25 fevereiro 2017

Vamos nos unir?

Sinto saudades de escrever, é verdade. Sempre que me proponho à dedicar mais tempo para o blog, acabo me envolvendo com outras tarefas. Hoje vim falar do grupo no whatsapp (que muitas meninas me pedem) e vi vários comentários de janeiro, a maioria pedindo ajuda em relação à quarentena.
Fiquei triste por só ter lido agora, mas espero que esteja tudo indo bem na vida de vocês.

Bom, vim fazer a seguinte proposta:
Há tempos existe um grupo chamado "Querido Militar - BLOG", mas ele está inativo.
Com o crescimento do canal no Youtube (pra quem não conhece, é esse aqui: Brenda in Wonderland - CANAL) por causa das questões da EEAr, aumentou também a quantidade de meninas que pedem ajuda sobre como enfrentar o período de adaptação, a distância e coisas afins. Pensei que seria boa ideia trazer o grupo de volta como forma de unir todas vocês que estão na mesma situação.

Dessa forma, vocês tirariam suas dúvidas, conheceriam pessoas passando pelo mesmo e poderiam conversar sobre todos as guerras e glórias que envolvem o nosso mundo.
Mesmo com a falta de tempo (por causa da faculdade, em geral), quero poder ser mais presente, mesmo que eu não vá ficar conversando sempre. Acho que vai ser algo legal e de bom resultado!

Então, é isso! Se alguém quiser participar do grupo, é só deixar o número nos comentários ou mandar pelo e-mail blogbrendainwonderland@gmail.com
Nos vemos em breve <3 

06 janeiro 2017

Dúvida da leitora: Vida na eear

Oi, pessoal! Como vocês estão?
Confesso que esse início de ano tá sugado! Eu e meu marido resolvemos cuidar mais da nossa saúde/corpo e estamos pegando firme (que saudades de comer doce...). Mas vai valer a pena <3
Sem muito papo furado, recebi o e-mail de uma leitora com algumas dúvidas. Em parceria com o meu marido, vou colocar a mensagem aqui e as respostas também. Espero que ajude vocês!

Olá Brenda :) Antes de começar este email já vou dizendo que já andei lá pelo blog,Facebook e email perguntando (rs) Mas estou desesperada é preciso festas informações, rs. Meu nome é X (editado), tenho 22 anos, moro em Nova Iguaçu RJ e também sou casada com um militar que vai pra ESTAR agora dia 8 de janeiro ( ele já servia como cabo no Galeão e fez a prova interna que competia só com cabo). Vamos as dúvidas... 1 - Como é a quarentena ( rotina, atividades, eventos, acampamento)?  2- Depois da quarentena quanto tempo eles podem ficar em casa? 3 -Como é a rotina na EEAR pós quarentena? 4- Como são as provas e avaliações? 5- Eles tem direito a recesso de meio e fim de ano? 6- Como é pra lavar e passar roupa ( tem balde, máquina,  tanque, varal, tábua de passar) e com que frequência pra lavar e passar roupa? 7- Conte mais detalhado  ( etapa por etapa) de como conseguir a PNR, quando solicitaram, o que precisaram, por que foram pra um hotel de trânsito? 8- Vocês receberam algum valor pela transferência? 9-Vocês tiveram que ir pra Anápolis logo após a formatura? 10- Como é a saída da EEAR e como tudo acontece pós EEAR? 11- Como foi a formatura, o que aconteceu lá?
1. QUARENTENA
A quarentena é o período de adaptação, onde se aprende sobre a vida militar, o dia começa às 5:30 e termina às 23:00 (às vezes mais tarde às vezes mais cedo). A primeira semana é mais administrativa: matrícula, entrega de fardamento, corte de cabelo, entregar documentos e essas coisas. Depois tem bastante ordem unida (onde se aprende a marchar), aulas de regulamento e armamento. Aprende-se também sobre as especialidades (apenas no fim da quarentena que escolhe a especialidade). O acampamento não é na quarentena, apenas no fim da primeira série. Tem café da manhã, faxina, aulas, palestras, ordem unida, refeições, mais palestras e, fim do dia. É muita correria! Tudo é muito rápido e corrido.

2. PÓS-QUARENTENA
 Após a quarentena, os fins de semana são liberados (com liberação na sexta ao fim do expediente e tendo que estar de volta para se apresentar no pernoite de domingo - 21:00 aprox.) . Para aqueles que moram no Rio de Janeiro, existe o ônibus da SAEEAR (Sociedade dos alunos) que leva e traz os alunos por um valor (em 2013/14 custava 90 reais).

3. ROTINA EEAR
 A rotina pós quarentena tem aula durante o dia, parada diária antes do almoço, almoço, aula à tarde, educação física no fim da tarde, jantar, tempo livre até o pernoite (entrada em forma para tirar falta e avisos) e depois do pernoite pode estudar, dormir, falar no telefone, enfim... 22:00 é o toque de silêncio, mas pode ir estudar na DE (Divisão de Ensino)

4. PROVAS E AVALIAÇÕES
 As provas e avaliações são objetivos e, se estudadas, não são um monstro de 7 cabeças. Tem avaliação também de ordem unida (que é pratica), tiro e de regulamento, além das avaliações da especialidade (dependendo da especialidade têm provas práticas também). 

5. FÉRIAS
Existe recesso no meio e fim de ano. Geralmente em junho tem entre duas e três semanas de recesso após a formatura. No final do ano, vai do final de novembro até metade de janeiro .

6. LAVANDERIA
 Para lavar roupa tem lavanderia com máquina de lavar dentro da escola, porém o Vagner não usava pois contratava o serviço das lavadeiras, mulheres de fora que trabalham lavando as roupas dos alunos (na época dele, elas iam às segundas, quartas e sextas). Paga-se um valor mensal (60 reais, se eu não me engano). As roupas são entregues lavadas e passadas no próximo dia. A frequência depende de cada um.

7. PNR / MORADIA
Para conseguir o PNR é preciso ter um dependente (esposa, filho...) e pegar uma guia de moradia (pode pegar na EEAr, caso já tenha dependente. Caso vá ter dependente apenas no trânsito, deve-se esperar chegar na sua unidade). A guia de moradia é entregue na unidade de trabalho (ex: Vagner, que casou no trânsito, pegou aqui na unidade de Anápolis e entregou no mesmo local). Após isso, tem que procurar a prefeitura de aeronáutica da sua unidade e entrar na fila. Depois de entrar na fila é só esperar sua vez chegar. Quando for sua vez, tem a vistoria da casa e, depois, a entrega da chave. Em algumas localidades, a casa sai rapidamente. Em outras, pode demorar anos, depende da localidade que vai. 
Obs: Fomos ao hotel de trânsito porque estávamos esperando a casa sair e não queríamos pagar um aluguel. Moramos 2 meses, aproximadamente, no Hotel de Trânsito.

8. TRANSFERÊNCIA
 Você recebe a transferência (o valor depende da distância da EEAr até o local em que vai servir quando se formar).

9. TRÂNSITO 
 Não logo após, tínhamos 20 dias de trânsito. Os dias também dependem da distância da localidade para Guaratinguetá. Pode ser 10 dias, 20(nosso caso), 30. Esses dias são contados após a formatura. A apresentação acontece no dia seguinte à data limite de trânsito (ex: 10 dias - apresentação no 11º dia).

10. VIDA PÓS-EEAR 
A vida pós EEAr é mais tranquila, mas não é livre de responsabilidades. Tem a rotina do trabalho, as missões (que podem acontecer a qualquer momento), os serviços, etc. Algumas unidades são mais agitadas, outras mais tranquilas. Tudo depende da unidade pra onde se vai.

11. FORMATURA
A formatura é dividida em 2 dias: a cerimônia de brevê e a formatura em si.
Vou deixar um canal do youtube com muitos vídeos sobre momentos marcantes na EEAr, inclusive a formatura: https://www.youtube.com/user/campiolofilmes/videos


Foram essas as respostas, espero que ajude! Até o próximo post <3

01 janeiro 2017

Trago novidades!

Primeiramente, desejo um super feliz 2017 para todos vocês! Infelizmente, meu marido passou de serviço e aí não rolou aquela comemoração por aqui.
Nós fizemos alguns planos para esse ano e esperamos muito que dê tudo certo. Alguns deles envolvem o canal do youtube.
Pra começar o ano com novidade, nós resolvemos investir mais em vídeos à respeito da EEAr. Achamos que a aprovação dele não pode ser boa apenas para nós dois, mas deve sim ajudar outras pessoas a alcançarem seus sonhos também.
Hoje, ele gravou o primeiro vídeo e o tema é: Materiais de Estudo.
Os livros indicados no vídeo são:

MATEMÁTICA:
Fundamentos de Matemática Elementar (11 volumes) - Gelson Iezzi
FÍSICA:
Física Clássica (volumes 1,2 e 3) - Caio Sérgio Calçada e José Luiz Sampaio 
PORTUGUÊS:
Português Descomplicado - Henrique Nuno

Obs: Como os livros são caros, recomendamos que vocês comprem em algum sebo (como o site Estante Virtual) ou pesquisem em bibliotecas.


Espero, de coração, que 2017 seja um ano em que possamos melhorar sempre e aprender com as coisas que vivemos em 2016. Que alcancemos nossos objetivos de acordo com nossa maturidade para recebê-los.

A gente se vê em breve!

29 junho 2016

Tudo é certo, até que mude

Se existe algo que me tira o sono com as forças armadas é a falta de planejamento. Sinto que, mesmo casada, as decisões fogem do nosso controle, sempre precisa ser aprovado ou não pela FAB.
Quando as pessoas casam, elas não se imaginam perdendo a autonomia do seu relacionamento, mas quando você pertence ou casa com alguém que pertence às FFAA, a coisa toda muda.
Existe uma frase no meio militar que diz assim: "Tudo é certo, até que mude".
Às vezes, me bate uma tristeza em ter que contar com o imprevisível. Planejar, mas sempre com um pé atrás.
Só quem tem um relacionamento com um militar, sabe o perrengue que é. Só nós sabemos o tanto que oramos e pedimos a Deus para que guarde a vida de quem tanto amamos. As barras que seguramos, muitas vezes no silêncio, por eles.
Apesar de triste pela falta de cuidado que a FAB tem por nós, esposas de militares, humanos de carne e osso, eu continuo firme na minha escolha de ter escolhido alguém que também escolheu vestir uma farda. Por trás das incertezas, da angústia no peito, da saudade dilacerante quando eles estão a tantos quilômetros de distância da gente, há também um amor impossível de ser medido. E que, por isso, espera, embora passando as noites em claro, pelo retorno de quem a gente ama.

Nos vemos em breve.
16 julho 2015

Depois que eu disse "sim"

Há alguns anos eu jamais imaginaria minha vida em outro estado, longe de tudo o que é "comum" para mim. Já contei aqui no blog que me imaginava casando daqui a uns anos só, mas nem tudo é como planejamos. O bom de tudo isso é que fui surpreendida de forma muito positiva!
Casar aos 20 trouxe muitas mudanças para minha vida. A bíblia diz em Eclesiastes 4:9-12 sobre o cordão de 3 dobras:

9 É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas.
10 Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que caie não tem quem o ajude a levantar-se!
11 E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?
12 Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Tenho crescido ultimamente e aprendido mais sobre o meu valor. É incrível o tanto de coisa boa que um casamento pode ensinar para uma pessoa. Me sinto, sobretudo, mais leve: dividir o fardo deixa a vida mais tranquila.
Ouvi de muita gente que casamento não é lá algo muito bom, especialmente "na minha idade". Tantas oportunidades - eles dizem. Mas só quem aceita a alegria de viver com quem Deus preparou sabe do que eu estou falando. Crescer, sonhar e realizar junto é certamente um presente que veio dos céus.
Olho para trás e vejo o tanto de barreira que já foi ultrapassada, o tanto que foi difícil chegar aqui. Ainda bem que estávamos juntos <3 "A vida é uma escalada, mas a vista é ótima"

Nos vemos em breve!
É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas.
Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se!
E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?
Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Eclesiastes 4:9-12
É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas.
Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se!
E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?
Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Eclesiastes 4:9-12
É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas.
Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se!
E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?
Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Eclesiastes 4:9-12
É melhor ter companhia do que estar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas.
Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se. Mas pobre do homem que cai e não tem quem o ajude a levantar-se!
E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?
Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem defender-se. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade.
Eclesiastes 4:9-12
Real Time Web Analytics